Retorna à página principalRetorna à homepage

Histórico da composição da Turma Barão de Teffé

1. Admissão ao Colégio Naval em 1981

Instruções do concurso de 1980 ao CNA futura turma de calouros do 1º ano do Colégio Naval (CN) em 1981 seria composta inicialmente de 230 alunos, sendo 200 vagas preenchidas no Concurso de admissão ao CN 1980/1981, e 30 vagas destinadas aos Colégios Militares (CM) por média.

Após a publicação da Relação de Candidatos Classificados e Reservas em 22/12/1980, foram realizados os testes físicos e exames de saúde nos candidatos. E a Lista Final de Aprovados foi publicada no Jornal dos Sports de 04/02/1981, contendo 233 candidatos aprovados, sendo: 204 de concurso e 29 de CM.

Foto da apresentação ao CN em 09/02/1981Entretanto, no dia marcado (09/02/1981) para a apresentação ao CN, compareceram 215 colegas, sendo 189 oriundos do concurso, 22 oriundos dos CM e 4 alunos repetentes (Reps) do 1º ano de 1980. Daí, foi atribuída a numeração interna de 1001 a 1215 conforme a ordem de classificação no Concurso, com os 4 Reps incluídos no meio - 1183 (Miccuci), 1184 (Cristóvão), 1186 (Luís Claudio), e 1187 (Muniz) -, seguidos dos colegas de CM por média.

Nota: O aluno Camargo recebeu o número 1215 por ter chegado por último ao CN (à noite), embora tenha feito concurso. O último colocado do Concurso foi o aluno 1192 - Luiz Silva (Alojamento 4), que havia sido aprendiz-marinheiro.

2. Período de Adaptação ao CN (09/02 a 06/03/1981)

Durante o período de adaptação, ocorreram algumas baixas e desligamentos, gerando o remanejamento da numeração interna dos três últimos alunos:

  • O aluno 1215 - Camargo passou a ser o 1083 e foi remanejado do Alojamento 4 para o Aloj 1;
  • O aluno 1214 - Vianna, oriundo do CMBH, passou a ser o 1003 devido ao desligamento do aluno Marcelo Carvalho Lyrio por problema de visão. Com isso, Viana foi remanejado do Aloj 4 para o Aloj 1 e passou a ser o mais antigo da turma 13 - um caso fora do comum já que não seguiu o critério de antiguidade por classificação adotado para o restante da turma; e
  • O aluno 1213 - Renner, oriundo do CMC, passou a ser o 1097 e foi remanejado do Aloj 4 para o Aloj 2.

No dia da aula inaugural, após três semanas de adaptação e o período de Carnaval, foram matriculados 212 alunos no 1º ano do CN em 1981.

3. Período do CN (1981 a 1983)

fotografiaOs três anos de permanência da Turma no CN (1981 a 1983) foram marcantes em diversos aspectos de nossas vidas, como a distância de nossos pais, amigos e namoradas, o rigor nos estudos e na disciplina militar, e também os muitos amigos que fizemos nesse tempo. Tudo isso ajudou a formar e consolidar o "Espírito de Turma" que carregamos até hoje.

Abaixo, segue a composição da Turma ao longo do curso de formação do Colégio Naval (CN):

  • 1º ano do CN em 1981 (OS nº 36/1981 do CN) - total de 212 Alunos, sendo: 208 oriundos de Concurso e Colégios Militares (CM); e 4 Reps do 1º ano de 1980.
    Ao final do ano, 6 colegas ficaram Reps e refizeram o 1º ano em 1982 (OS nº 33/1982 do CN), e 21 foram de baixa ou desligados.
  • 2º ano do CN em 1982 (OS nº 17/1982 do CN) - total de 190 Alunos, sendo: 185 aprovados no 1º ano de 1981; e 5 Reps do 2º ano de 1981.
    Ao final do ano, 11 colegas ficaram Reps e refizeram o 2º ano em 1983 (OS nº 42/1983 do CN - falta o Pimentel), e 23 foram de baixa ou desligados.
  • 3º ano do CN em 1983 (OS nº 49/1983 do CN) - total de 158 Alunos, sendo: 156 aprovados no 2º ano de 1982; e 2 Reps do 3º ano de 1982.
    Ao final do ano, 1 colega ficou Rep e refez o 3º ano em 1984, e 19 foram de baixa ou desligados.

E, ao final do 3º ano de 1983, 138 colegas foram aprovados para transferência para a Escola Naval (EN), de acordo com a OS nº 005/84 do CN. Porém, um colega (Zilves) pediu baixa antes da matrícula no 1º ano da EN em 1984, de modo que somente 137 colegas se apresentaram na EN para cursar o 1º ano em 1984.

Alguns dos Reps citados acima não seguiram para a EN após 1983, de modo que, no total, 71 colegas pediram baixa ou foram desligados por outros motivos no CN.

As fotografias da turma no CN estão no nosso Álbum CN - 1981 a 1983, no Google Fotos.

4. Período da EN (1984 a 1987)

Segue abaixo a composição da Turma ao longo do curso de formação da Escola Naval (EN):

  • 1º ano da EN em 1984 (OS nº 25/1984 da EN) - total de 247 Aspirantes, sendo: 137 colegas transferidos do 3º ano do CN de 1983; 17 Reps do 1º ano da EN de 1983; 4 oriundos da EsPCEx, 8 da EPCAr; 51 de concurso; e 30 oriundos de Colégios Militares (CM).
    Ao final de 1984, 26 colegas ficaram Reps, 16 foram desligados ou de baixa, um (1113 - Luiz Silva) foi desligado por problema de saúde, um (1192 - Maisonnette) ficou em LTS até ser reformado em 1986, e um (1032 - Marconi) ficou em LTS no final de 1984 e refez o 1º ano em 1985.
  • 2º ano da EN em 1985 (OS nº 28/1985 da EN) - total de 213 Aspirantes, sendo: 202 aprovados no 1º ano de 1984, mais 11 Reps do 2º ano de 1984. Ao final de 1985, 14 colegas ficaram Reps (12 CA e 2 IM), e 10 foram desligados ou de baixa.
  • 3º ano da EN em 1986 (OS nº 21/1986 da EN) - total de 189 Aspirantes aprovados no 2º ano de 1985. Ao final de 1986, 4 colegas ficaram Reps, um (3129 - Marcio Cesar) ficou em LTS e refez o 3º ano em 1987, e 4 foram desligados ou de baixa.
  • 4º ano da EN em 1987 (OS nº 29/1987 da EN) - total de 181 Aspirantes, contendo os 180 aprovados no 3º ano de 1986, mais o Asp 4141 - Vagner (turma de cima), que ficou de LTS no 4º ano de 1986, voltando da licença em 1987. E como, no meio do ano, um colega se desligou (4123 - Sirley), terminamos o 4º ano com 180 Aspirantes, sendo: 109 CA, 33 FN e 38 IM. E, finalmente, fomos declarados Guardas-Marinha (GM) em 13/12/1987, de acordo com a OS nº 182/1987 da EN.

Alguns dos Reps citados acima saíram posteriormente, de modo que, no total, 50 colegas pediram baixa ou foram desligados por outros motivos na EN. Alguns desses seguiram para a EFOMM, onde se formaram oficiais da Marinha Mercante.

As fotografias da turma na EN estão no nosso Álbum EN - 1984 a 1987, no Google Fotos.

5. Período da VIGM (1988)

Logo no início da II Viagem de Instrução de Guardas-Marinha (VIGM), que ocorreu no período de 16/03 a 07/10/1988 a bordo do Navio-Escola (NE) Brasil, o GM Vasques teve de desembarcar para tratamento de saúde, mas conseguiu se recuperar e fazer a III VIGM em 1989 com a turma de baixo.

Finalmente, em 07/10/1988, os 179 GM que concluíram a II VIGM foram nomeados Segundos-Tenentes pela Portaria nº 0867/1988, do Ministro da Marinha.

As fotografias da II VIGM estão no nosso Álbum VIGM-1988, no Google Fotos.

6. Caminhos trilhados pelos integrantes da Turma

Foi uma longa e árdua jornada até aqui, de muito aprendizado e engrandecimento pessoal e profissional. De todos os 341 jovens que um dia integraram a Turma Barão de Teffé de 1981 a 1987, 71 saíram no CN, 50 saíram na EN, 1 (Maisonnette) foi reformado por problema de saúde como Aspirante, seguindo outros rumos na vida.

No final, 219 colegas se formaram oficiais: 179 na VIGM-88, 38 na VIGM-89, e 2 na VIGM-90. Desses, 135 fizeram CN e 84 entraram na EN.

Alguns dos que saíram no CN seguiram carreiras militares no Exército (Fernandes, Lincoln e Viana), na Força Aérea (Marcelo Santos e Charbel), e na própria Marinha, como foi o caso do ex-aluno Sandro que entrou para o Quadro Complementar de Intendência (QC-IM) e hoje é CMG (RM1-IM). O ex-Aluno Antonio Cesar se formou Engenheiro e trabalhou na Diretoria de Obras Civis da Marinha (DOCM) por muitos anos como servidor público.

Vários dos colegas que saíram no CN e na EN seguiram carreiras no serviço público, na iniciativa privada, e alguns cursaram a EFOMM e se tornaram Oficiais da Marinha Mercante.

7. Promovidos a Almirante

Dos integrantes da Turma, 21 foram promovidos a Almirante, conforme abaixo:

  • Dos 179 oficiais que fizeram a VIGM-88, foram 9 Vice-Almirantes (CA) e 9 Contra-Almirantes (4 CA, 2 FN, 2 IM e 1 EN);
  • Dos 38 oficiais que fizeram a VIGM-89, foram 2 Contra-Almirantes (CA); e
  • Dos 2 oficiais que fizeram a VIGM-90, foi promovido 1 Contra-Almirante (CA).

Do total de 21 Almirantes, 9 são oriundos do CN-81 e 12 entraram na EN-84.

Notas

O histórico acima foi compilado pelo colega João Rodrigues (aluno 1004 no CN-81) a partir do banco de dados da ATBT, de fontes históricas, como as listas de aprovados nos concursos, Ordens de Serviço (OS) do CN e da EN, fotografias e extratos de documentos diversos, bem como de relatos dos seguintes colegas de Turma: Andre Luis, Basílio, Camargo, Duarte Lima, Eduardo Vivian, Francisco Dantas, Levs, Luiz Martins, Remy e Schumann nos grupos que a Turma mantém nas redes sociais.

Agradecemos ao Comandante Alvim (Turma CN-80) e aos amigos de Turma Francisco Dantas, Humberto, Neves, Paulo Sérgio e Sertã, que ajudaram a obter as OS citadas no texto, e que permitiram a conferência dos dados de matrícula em cada ano do CN e da EN.

Por último, um agradecimento especial ao nosso saudoso amigo Mandarino, cujo grande amor e dedicação à Turma tanto nos inspirou a criar este histórico. Muitos dos documentos e fotografias que estão nos álbuns da Turma, e que ajudaram a dirimir dúvidas na elaboração deste trabalho, foram cedidos por esse grande amigo. Que Deus o tenha!

Atualizado em: 15/06/2021